Instagram Facebook Twitter YouTube Flickr Spotify
20/06/2014

OEA aprova nova resolução para a autonomia e fortalecimento da Defensoria Pública

Fonte: Ascom ANADEP *Com informações AIDEF e OEA
Estado: DF
A Organização dos Estados Americanos (OEA) deu mais um importante passo em prol do fortalecimento da Defensoria Pública. Durante o 44º Período Ordinário de Sessões da Assembleia Geral da OEA, que ocorreu no Paraguai, de 3 a 5 de junho, foi aprovada a Resolução AG/RES. 2821 (XLIV-O/14). O documento intitulado "Rumo à autonomia e ao fortalecimento da Defensoria Pública Oficial para garantir o acesso à justiça” visa aprofundar o compromisso dos Estados-membros e também normatizar o trabalho dos defensores na proteção dos direitos humanos. Esta já é a quarta resolução aprovada pela OEA sobre o tema.
 
A ANADEP teve uma importante participação neste processo. No dia 5 de maio, a presidente da ANADEP, Patrícia Kettermann, acompanhada de representantes das Associações Estaduais, se reuniu com o chefe da Divisão de Cooperação Jurídica Internacional do Ministério das Relações Exteriores, Aurélio Viotti, e com o terceiro-secretário, Igor Carneiro para tratar do projeto de nova Resolução. Na ocasião, Patrícia solicitou apoio expresso do Brasil para aprovar o texto integral do documento.
 
Em março, a dirigente também participou de extensa agenda em Washington (EUA), onde o texto para esta nova Resolução da OEA foi debatido com defensores de países-membros da Associação Interamericana de Defensorias Públicas (AIDEF).
 
Segundo Patrícia, “a ideia da nova Resolução é fortalecer os instrumentos normativos que abordam o tema do acesso à Justiça como um direito autônomo e, que, impulsionam o papel da Defensoria Pública de garanti-lo às pessoas em condição de vulnerabilidade”, afirmou.
 
Trabalhos: De acordo com a OEA, os defensores públicos interamericanos têm desenvolvido um trabalho bem sucedido perante à Corte Interamericana de Direitos Humanos na defesa dos direitos das vítimas de violações dos direitos humanos, no âmbito do Memorando de Entendimento entre AIDEF e da Secretária-Geral da OEA, por meio da Secretaria Executiva da Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH) e do Acordo de Entendimento entre a AIDEF e Tribunal de Direitos Humanos (Inter-americano).
 
A Organização destacou também o incentivo dos Estados-Membros aos defensores públicos no Sistema Interamericano de Proteção e Promoção dos Direitos Humanos (SIDH). Além disso, abordou sobre os debates para fornecer mecanismos e colaboração com os instrumentos internacionais e regionais de proteção dos direitos humanos, como os contra a tortura e proteção de grupos vulneráveis, a fim de facilitar o acesso à justiça para os grupos mais desfavorecidos.
 
Clique aqui e veja o documento na íntegra. 
Compartilhar no Facebook Tweet Enviar por e-mail Imprimir
AGENDA
06 de julho
AGE
03 de agosto
AGE
31 de agosto
Reunião de Diretoria
01 de setembro
AGE
05 de outubro
AGE
08 de novembro, Goiás (CONADEP)
AGE
08 A 11 de novembro, em Goiânia (GO)
XV Congresso Nacional das Defensoras e Defensores Públicos
14 de dezembro
AGO de eleição
13 de dezembro
Reunião de Diretoria
 
 
 
COMISSÕES
TEMÁTICAS
NOTAS
TÉCNICAS
Acompanhe o nosso trabalho legislativo
NOTAS
PÚBLICAS
ANADEP
EXPRESS
HISTÓRIAS DE
DEFENSOR (A)