Instagram Facebook Twitter YouTube Flickr
15/05/2019

RJ: Defensoria realiza evento sobre violência de gênero e feminicídio

Fonte: ASCOM/DPE-RJ
Estado: RJ
O Núcleo Especial de Defesa dos Direitos da Mulher (NUDEM) da Defensoria Pública do Rio de Janeiro (DPRJ) realizou na última sexta-feira (10) o VII Encontro NUDEM com as equipes multidisciplinares. O tema desta edição foi o dever de proteção da mulher em situação de violência e formas de prevenção ao feminicídio. Segundo a Subcoordenadora de Defesa dos Direitos da Mulher da DPRJ Matilde Alonso, o objetivo do evento é promover o diálogo entre as equipes técnicas multidisciplinares de diversas instituições do estado. O evento contou com a participação de aproximadamente 50 mulheres que lotaram a sala 1 da Fesudeperj, no 4º andar da sede da Defensoria Pública. O público era composto por assistentes sociais, membros do Centro Integrado de Atendimento à Mulher (CIAM) de diversas localidades do estado e integrantes dos Juizados da Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher (JVDFM) da cidade do Rio. 
 
A defensora Matilde Alonso acredita na importância do diálogo entre as equipes técnicas multidisciplinares como forma de promover estratégias de atuação que sejam efetivas no processo de conscientização sobre os direitos das mulheres em situação de violência. 
 
"A Lei Maria da Penha trouxe o conceito de “redes de enfrentamento” da violência contra a mulher e é importante que esta rede esteja funcionando. Uma forma importante de fortalecimento desta rede são ações que conscientizem mulheres em situação de violência sobre seus direitos e sobre a atuação da Defensoria e de outras instituições em casos de violência", afirma Matilde.
 
O encontro contou com a participação da coordenadora do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça de Violência Doméstica contra a Mulher do Ministério Público do Rio (MPRJ) Lúcia Iloizio; da conselheira do Conselho Estadual dos Direitos da Mulher Edna Calheiros; da coordenadora do Centro Integrado de Atendimento à Mulher Cristina Fernandes; e da assistente social da Subsecretaria de Políticas para as Mulheres de São Gonçalo Ariane Kelly. 
 
No final do evento, houve um debate que contou com a participação ativa do público presente. A assistente social Jussara Ferreira, integrante do VII JVDFM, na Barra da Tijuca, acredita que eventos como esse são de suma importância para que haja diálogo e articulação entre as órgãos de atendimento à mulher vítimas de violência de gênero.
 
Compartilhar no Facebook Tweet Enviar por e-mail Imprimir
XIV CONADEP
ANADEP INOVA
Escola Nacional das Defensoras e Defensores Públicos do Brasil
Novas 100 regras de Brasília
COMISSÕES
TEMÁTICAS
NOTAS
TÉCNICAS
Acompanhe o nosso trabalho legislativo
NOTAS
PÚBLICAS
ANADEP
EXPRESS
HISTÓRIAS DE
DEFENSOR (A)