Instagram Facebook Twitter YouTube Flickr
A ANADEP também está na Campanha Outubro Rosa pelo combate ao câncer de mama
28/09/2020

PI: Primeira aula virtual do Curso Defensoras Populares supera a expectativa

Fonte: ASCOM/DPE-PI
Estado: PI
A primeira aula virtual do Curso Defensoras Populares reuniu na tarde deste sábado (24) cerca de 90 mulheres  de Teresina, interior do Estado e até do vizinho estado do Maranhão.  A aula contou com a presença do Defensor Público Geral, Erisvaldo Marques dos Reis e foi conduzida pela Subdefensora Pública Geral, Carla Yáscar Bento Feitosa Belchior; pela Coordenadora do Núcleo de Defesa da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar, Lia Medeiros do Carmo Ivo e pela  titular da 2ª Defensoria Publica da Mulher, Verônica Acioly de Vasconcelos. As Defensoras Públicas abordaram o Sistema de Justiça, o Papel das Polícias e a Instituição Defensoria Pública.
 
A aula , que contou ainda com a participação da Diretora da Escola Superior da Defensoria (ESDEPI),  Andrea Melo de Carvalho, que deu as boas-vindas às participantes, teve também a presença da  titular da 1ª Defensoria Pública do Idoso, Sara Maria Araújo Melo e foi bastante participativa, com as mulheres  emitindo opiniões e desenvolvendo questionamentos sobre os temas abordados, bem como sobre variados temas relacionados a direitos.
 
Realizado por meio da Plataforma Virtual Zoom, o novo formato do Curso Defensoras Populares, foi adotado devido ao atual momento pandêmico ocasionado pelos riscos de contágio do novo coronavírus. A realização do Projeto Defensoras Populares no Piauí é uma iniciativa da Subdefensora Pública Geral, Carla Yáscar Belchior, com a participação efetiva do Núcleo de Defesa da Mulher. A procura e interatividade da primeira aula surpreendeu as organizadoras.
 
A  Defensora Pública Verônica Acioly destaca esse sentimento. “Foi surpreendente a adesão das mulheres ao Projeto Defensoras Populares, tivemos mais de 130 inscritas e, em alguns momentos,  mais de 80 mulheres estavam participando, de vários municípios do Estado do Piauí, com várias formações, etnias. Várias dúvidas foram tiradas prestamos esclarecimentos sobre o Sistema de Justiça, destacamos o papel da Defensoria Pública, contamos  na abertura  com a participação do Defensor Público Geral e percebemos a necessidade da Defensoria se aproximar da população, diante da sede de conhecimento dessa população, da vontade de participar, de construir uma realidade menos desigual. Então, participar desse Projeto Defensoras Populares é algo que nos aproxima do juramento que a gente faz quando inicia a carreira. A expectativa  é de união,  transformação e que a Defensoria não se perca de sua missão.
 
“Apesar de não ter sido no formato presencial, com a possibilidade fazer trocas maiores, inclusive do contato físico, do olhar, do abraço, foi muito melhor que eu imaginava. Todas as  mulheres se sentiram  à vontade para participar tanto no chat como algumas, ao final, pediram a palavra. E foi só o primeiro encontro, então imagino que ao longo do curso essa confiança e essa vontade de participar,  de falar, vai aumentar . Estou com muita esperança que será uma turma bastante exitosa. Hoje foi bem numerosa, e imagino que vá continuar sendo muito produtivo”, complementa a Coordenadora do Núcleo da Mulher, Lia Medeiros.
 
A Subdefensora Pública Geral, Carla Yáscar Belchior resumiu o sentimento geral após a primeira aula online. “O primeiro encontro foi cercado de emoção e significado. A presença de quase 90 mulheres de Teresina e muitas outras cidades (São Raimundo Nonato, Acauã, Picos, Floriano, Luís Correia) demonstra a sua força e vontade de aprender e ajudar outras mulheres. Saio extremamente grata e com o ânimo renovado para continuar, juntamente com as demais Defensoras Públicas, este belíssimo projeto destinado à educação em direitos, para a formação das lideranças comunitárias femininas, para que possam trabalhar por suas comunidades e fortalecer o trabalho da Defensoria Pública, potencializando a nossa luta pela promoção dos direitos humanos das pessoas em situação de vulnerabilidade”, afirma.
 
O Defensor Público Geral , Erisvaldo Marques, também destacou a relevância do Projeto e a boa impressão nessa retomada. “ Essa primeira turma do curso Defensoras Populares adotando o formato virtual devido a pandemia, representou  mais uma conquista da Defensoria Pública nesse momento de ressignificância de todas as  ações e relações.  A procura foi bastante significativa e demonstrou a credibilidade que a Defensoria tem como Instituição e especialmente a credibilidade desse Projeto, voltado para a formação de lideranças comunitárias femininas, para que se tornem agentes multiplicadores junto às suas comunidades, colaborando para  que os direitos essenciais sejam respeitados . Estão de parabéns a nossa Subdefensora Pública Geral, Carla Yáscar Belchior, assim como as Defensoras Públicas Lia Medeiros e Verônica Acioly, do Núcleo de Defesa da Mulher, que juntas  e com a colaboração das demais Defensoras Públicas e convidadas têm dado seguimentos a  esse Projeto tão importante para a Defensoria e para  a população”, ressaltou.
 
 
Compartilhar no Facebook Tweet Enviar por e-mail Imprimir
AGENDA
 
 
Escola Nacional das Defensoras e Defensores Públicos do Brasil
Novas 100 regras de Brasília
COMISSÕES
TEMÁTICAS
NOTAS
TÉCNICAS
Acompanhe o nosso trabalho legislativo
NOTAS
PÚBLICAS
ANADEP
EXPRESS
HISTÓRIAS DE
DEFENSOR (A)